Irlanda! | Uma Boa Dica Para Sua Viagem

A Irlanda é um país que atrai muitos turistas,  devido a sua diversidade de atrações históricas e culturais. Lá você pode encontrar vários tipos de atrações, tanto nas grandes cidades quanto nas pequenas aldeias.

=> Conheça a Lituânia – Uma cidade moderna, barroca e receptiva

=> Encontre passagens aéreas em promoção para vários destinos


Veja Também:




Localizada a oeste da Europa, a Irlanda, também conhecida como Ilha Esmeralda possui área de 70.285 km2 e população estimada em 4,7 milhões de habitantes e seus idiomas oficiais são o Gaélico (Irlandês) e o Inglês. Sua capital, Dublin tem 1.273.069 habitantes.

Desenvolvimento e clima da Irlanda

Desenvolvido e moderno, a Irlanda tem um dos mais altos índices de desenvolvimento humano do mundo e ótimas classificações no quesito liberdade de imprensa, política e econômica.

O clima é úmido e ameno, com temperaturas variando entre 4ºC no inverno e 16ºC no verão.

País marcado pela luta por liberdade política e também pela cultura, os escritores Oscar Wilde e James Joyce, bandas e cantores internacionalmente reconhecidos como o U2, Damien Rice, são filhos ilustres desse país, que recentemente deu ao mundo mais uma importante contribuição a música, o cantor Hozier, dono do hit “Take Me to Church”, sucesso em todo o mundo.

A cena cultural também conta com vários festivais que acontecem durante o ano, especialmente no verão, com destaque para o Yeats (acontece durante o ano inteiro) que celebra a vida do poeta de mesmo nome, nascido em Dublin e vencedor do Prêmio Nobel.

As opções de visto para entrar na Irlanda mais usadas pelos brasileiros são:

Visto de turista que permite viajar também para outros países europeus por até 90 dias, é concedido após apresentação do passaporte válido por, no mínimo, seis meses após a data em que pretende sair, seguro-viagem de, no mínimo, 25 mil euros (com cobertura para acidentes e doenças) e provas que possui dinheiro para se manter e confirmação do local onde você ficará hospedado para o Serviço de Imigração no aeroporto na Irlanda.

Visto de estudante superior a seis meses estudantes de cursos entre 15 e 25 semanas não precisam pedir o visto no Brasil.

Chegando ao aeroporto, o estudante entrega os mesmos documentos exigidos para turistas, mais a carta da instituição estudantil que confirma a matricula, comprovação de acomodação temporária e extrato bancário de no mínimo 3 mil euros (o aluno abre uma conta em um banco local e deposita o valor em posse de uma carta providenciada pela escola) para receber um visto temporário.

Em seguida, o aluno entrega todos esses documentos ao Serviço de Imigração e tira o visto permanente.

Bandeira-Irlanda

Visto de estudante inferior a seis meses estudantes também não precisam pedir visto no Brasil.

No Serviço de Imigração apresentarão passagem de volta, passaporte válido por seis meses, seguro-viagem com cobertura para acidentes e doenças de no mínimo 25 mil euros, carta de matricula e comprovação de 500 euros por mês de permanência.

A melhor opção de hospedagem para turistas é ficar no bairro Dublin City Centre, um quarto para duas pessoas em hotéis três estrelas custam entre 60 e 150 euros por dia.




Como Dublin é caro, quem quiser economizar pode ficar em albergues e compartilhar quarto e banheiro, o preço médio é 10 euros.

Alternativa também barata são os Bed and Breakfast, casas que oferecem quartos e banheiro, na maioria e típico café da manhã local por 35 euros ou 70 euros em quartos para duas pessoas.

Já os estudantes podem deixar reservado um lugar para as duas primeiras semanas e depois escolher uma casa definitiva.

Mesmo não sendo um país reconhecido pela gastronomia, você não pode deixar de ir ao Brother Hubbard, bar e café localizado na Capel Street (centro de Dublin) que serve pratos produzidos com produtos orgânicos, tendo por diferencial as alterações no menu ao longo do ano, a fim de aproveitar os alimentos de cada estação.

Na culinária típica, destacamos o Irish Breakfast, servido com chá preto misturado com leite, salsicha irlandesa, bacon, chouriço, feijão adocicado, torradas e ovo.

A Shepherd´s Pie (torta do pastor) feita com carne bovina ou de carneiro e recebe cobertura de purê de batatas, parecido com o nosso escondidinho e o Potato and Leek Soup (sopa de batata com aipo) servida com pão preto irlandês.

Frutos do mar também são muito consumidos, visto que o país é uma ilha.

Curiosidade gastronômica, os irlandeses amam chá, portanto, jamais recuse a bebida. E por falar em bebida, não se esqueça de tomar a tradicional cerveja Guinness.

Guinness-a-Cerveja-da-lituânia

O transporte público da Irlanda é composto por ônibus e trens. Em Dublin, use o Dart (trem), Luas (bondinho) e ônibus circulares nos trajetos para os subúrbios gastando entre 1,45 a 5,70 euros por viagem.

Leia também: Lituânia – Moderna, Barroca e Receptiva

Os táxis são muito caros, o taxímetro já começa em 4,10 euros, cada passageiro adicional tem 1 euro e no período entre 8 da manhã e 8 da noite é cobrado uma extra de 10% sobre o valor da corrida.

Ponto positivo dos ônibus em Dublin é que toda a rede conta com WiFi gratuito e o sinal é muito bom.

Faça as malas e let´s go Irlanda!

CLIQUE AQUI e confira tudo sobre a Cidadce de MILÃO!

=> Visite o site de passagens aéreas e veja as ofertas de vôos

Irlanda! | Uma Boa Dica Para Sua Viagem
5 (100%) 1 voto


Adicione um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *