Pádua | Conheça A História Da Cidade De Pádua

“Pádua”, uma boa opção de turismo para quem deseja fazer uma boa viagem para curtir aquelas férias tão esperadas e se divertir bastante.


=> Conheça San Marino – A República mais antiga do mundo

=> Encontre passagens aéreas em ofertas para vários destinos

Se você está pensando em viajar a escolha de um bom destino é essencial, certo? “Pádua”, é uma pequena cidade histórica italiana, localizada no norte deste país, é um destino ideal para curtir as férias e fazer belos e divertidos passeios.

Em italiano, é conhecida como “Padova”, sua existência remonta à fundação pelos troianos ainda no século XII, antes de Cristo.

         “Pádua” tem características das antigas cidades medievais, cercada por muros e sua viagem pode ser associada a viagens para outras cidade italianas, como Veneza, por exemplo.

“Pádua” fica a 37 quilômetros de Veneza e o translado pode ser feito de trem.

         A história de “Pádua” é muito rica, além de extensa, possui vários monumentos históricos, onde o turista poderá conhecer um pouco da história da civilização europeia.  

A vista das fortificações banhadas pelos rios Bacchiglione e Brenta, são uma das belas atrações para quem visita a cidade italiana.

         Na época do Império Romano tinha o nome de Patavium e era um importante centro comercial e agrícola.

No século VII foi arrasada pelos lombardos, com tempo se recuperou e nos séculos XI ao XIII se reestruturou.

Neste período foi construído dois dos mais belos e significativos monumentos históricos de “Pádua”, a Basílica de Santo Antônio e a Universidade de “Pádua”.

         Pode-se chegar a “Pádua” por diferentes meios. Quem preferir pode ir de carro, a cidade fica a uma curta distância de Veneza (37 km) ou a 230 km de Milão, você deverá seguir a rodovia A4.

Um bom passeio de trem pode ser a escolha ideal, há trens que partem direto de Veneza (30 a 40 minutos) ou de Milão (2 horas e meia).

A melhor época da visita deve ser escolhida com atenção, os períodos de alta estação, pode trazer algumas dificuldades devido ao grande número de pessoas na cidade, mais com paciência e bom-humor, a viagem será bem aproveitada em qualquer época do ano.

Pádua tem seu nome muito ligado a Santo Antônio, santo da fé católica, que viveu nesta cidade por longos anos e faleceu também em Pádua.

O Santo Antônio “de Lisboa” e o Santo Antônio “de Pádua” são o mesmo santo. Santo Antônio também na Itália é conhecido como santo que auxilia nas uniões amorosas e a cidade é um centro de peregrinação de devotos.

         Outra personalidade histórica famosa que habitou a cidade de Pádua entre 1305 e 1310, foi o artista Giotto, foi ele que pintou os afrescos da Capella degli Scrovegni.

Melhores passeios e atrações turística em Pádua

Pádua-torre-italiana

           

  • Basílica di Sant’Antonio

A Basílica de Santo Antônio é um lugar onde os católicos realizam significativas peregrinações. Em tempos antigos a basílica era apenas uma igrejinha, mas entre os anos de 1238 a 1310 foi construída a atual construção.

A arquitetura da Basílica sofreu diferentes influencias, góticas, românicas e bizantinas. No interior tem decoração sofisticada, com estátuas, afrescos, relevos em mármore e diversas capelas.

Neste local o turista poderá visitar o túmulo de Santo Antônio, quatro claustros muito bonitos e dois museus, um de arte-sacra e outro e de ex-votos entregues para o santo católico por graças atendidas.

  • Capella degli Scrovegni

Nesta bela capela encontram-se os afrescos de Giotto da Bondone. Este pintor florentino foi contratado por Enrico Scrovegni, banqueiro e comerciante de “Pádua”, no século XIV, para pintar os famosos afrescos na capela de sua família.

Os afrescos são compostos por imagens bíblicas e atualmente é um dos tesouros da arte ocidental.

Para entrar na capela é necessário permanecer por quinze minutos dentro de uma câmara de “estabilização do microclima”, mas acredita-se que na verdade, o turista está passando por um processo para eliminar fungos que poderiam contaminar o local.

  • Palazzo dela Ragione

É um palácio construído no período medieval, em 1218. Neste palácio funcionou o Tribunal de Justiça em “Pádua”, é uma enorme construção com arcos nos dois andares. Suas paredes são decoradas por belos afrescos       .

  • Universidade de Pádua

É um belo palácio, que é sede de uma das mais longevas faculdades de medicina da Europa. Foi fundada em 1222, e dessa faculdade que se originou a Universidade de Pádua.

O turista poderá visitar o prédio acompanhado por guias, e conhecer o local onde passou Harvey, Copérnico e Galileu.

Neste passeio poderá conhecer o mais antigo laboratório de física da Itália, o Teatro di Filosofia Esperimentale e conhecer o laboratório de anatomia, o Teatro Antomico.

  • Canal de Brenta

É um belo canal que o turista poderá passear de barco a partir de Pádua. Seguindo o canal poderá se chegar a Veneza e conhecer uma grande quantidade de belos palácios que pertenciam à nobreza veneziana.

Algumas vilas são visitadas no percurso do barco. Além deste canal, há outros passeios que podem ser feitos por outros canais, como os de Vêneto, também partindo de “Pádua”.

  • Caffé Pedrocchi

Este café foi fundado em 1831, fica perto da Universidade de “Pádua”, e de tão histórico e tradicional, tornou-se uma atração turística de “Pádua”.

A construção segue o estilo neoclássico, com um apêndice gótico é dividido em diferentes recintos, que mudam de nome de acordo com a cor da tapeçaria que o decora.

CLIQUE AQUI e confira tudo sobre a Cidade de ASSIS e suas Atrações Turísticas!

=> Encontre passagens aéreas promocionais para vários destinos

Pádua | Conheça A História Da Cidade De Pádua
5 (100%) 1 voto[s]

Adicione um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *